Papai doente ainda é um papai

Quer ficar assim quando está dodói, né, bonitão?

Eu não ando muito bem do estômago nestes dias, além de estar também resfriado. Isso dá uma moleza, uma preguiça, e aquela vontade gigantesca de ficar em casa debaixo do cobertor e me entregar à doença.

Pois é, mas eu sou pai. E tem um pequeno ser de 3 anos que não entende o que é isso ainda. E mais: precisa de mim firme e forte ao seu lado. O jeito, nesse caso, não é dar uma fugidinha da responsabilidade, que nem faria o Michel Teló. O jeito é batalhar contra a dor e partir para a luta mesmo assim.

Nenhuma doença me derrubou ainda, depois que eu me tornei pai. Só a cirurgia do dente do siso. Essa, sim, me destruiu. Agora…Gripe, dor de garganta, dor de barriga e outras dores que tem remédio, cuja cura vem em publicidade na televisão? Nananinanão, velhinho.

Sei lá se eu to certo ou errado, mas tem uma força dentro de mim que me faz levantar e sair para o campo de batalha. Vou trabalhar doente sem problema algum e dificilmente demonstro que estou enfermo. Se tiver com diarreia, eu levo outra cueca na mochila, se der zica. Não tem essa, eu me viro.

E estou bem assim.

Bom, vamo trabaiá, cambada!

Com outra cueca na mala hoje, claro!

One thought on “Papai doente ainda é um papai

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s